sexta-feira, 1 de maio de 2009

História minha e dela

13 comentários:

Maria, Simplesmente disse...

Por vezes as mulheres deixam-se influenciar por comentários de "amigas ou amigos" da outra, e, conforme as situações, começam a idealizar uma pessoa totalmente diferente, principalmente quando só sabem da existência da "outra" e nunca a viram.
É difícil sabes?
Maria

Pecadormeconfesso disse...

Será dificil. Mas mesmo havendo outra, há uma que é única.

Maria, Simplesmente disse...

Se é única... como há outra?
Maria

Horas Sem Tempo disse...

um abraço, "gato"...

Aran disse...

Olá, Pecador...
O video está realmente fantástco!
Nem imaginas o quanto me ri... Lol! Sem maldade, claro!
Muito bem escolhido... e que final!

Um beijinho grande

Pecadormeconfesso disse...

Maria, há mulheres que são únicas Voltamos sempre para elas. Sentimos sempre a falta delas. Ama Maria... ele sabe que és a única.

Pecadormeconfesso disse...

Obrigado horas sem tempo.

Pecadormeconfesso disse...

Aran,e tu melhor que ninguém sabes isso. ;-) Beijo amiga!

Lúcia disse...

A estória do gatoe da lua! Do Filmógrafo! Gostei de rever uma coisinha que vi em 95 ou 96 e seguia os passos daquilo que o fimlógrafo fazia. Este filme deu-lhe muita projecção, mas outros houve. Muito se deve também ao Abi Feijó. Mas esta estória do gato e da lua ficou-me especialmente na retina estes anos todos. E nunca me tinha elmbrado de a procurar no Youtube!
Que bom ter recordado... tnatas coisas:)))

AH! e a estória... fala por si ;)

Cleopatra disse...

Gostei. História bonita Bonita mesmo. Tão bonita!!
Posso levá-la comigo?! :-))

Pink disse...

Fantástico! Amei!

Inezteves disse...

E eu fiquei de fora...
Nada vi...
:(

Inezteves disse...

Entenda bem...já deixei de ser parva e olhei a linda história noutro vídeo, mas esse que postaste, aparece como removido.Porque não muda a postagem?
Por aqui é Dia dos Namorados...Ai pecador..."Cest la vie!"